O que você precisa saber sobre a temperatura de serviço, para aproveitar melhor o vinho

Tempo de leitura: 2 minutos

Às vezes não damos muita atenção, mas a temperatura pode ser crucial na boa apreciação de um vinho

Aliás, a temperatura pode ser crucial também na boa conservação de um vinho. Ou seja, a questão da temperatura definitivamente não deve ser negligenciada.

Já descartamos há tempos o famoso “vinho tinto em temperatura ambiente”, principalmente em um país como o Brasil, cujas temperaturas podem ser muito acima do que é recomendado.

Ninguém questiona o fato de ter de tomar espumantes gelados, uma vez que parece óbvio: quando quente até mesmo as borbulhas parecerão enjoativas.

Por que devemos nos preocupar com brancos, rosés e tintos?

Em alguns momentos, você pode pensar que o calor pode ser um aliado do vinho. Afinal, quanto mais quente, maior o desprendimento do álcool e, com ele, partículas aromáticas. Ou seja, o vinho ficaria mais fragrante.

No entanto, há um limiar para isso. Em vinhos brancos ou tintos mais leves, por exemplo, os aromas podem se desprender muito rapidamente, evidenciando apenas o álcool. Em vinhos encorpados, você certamente os sentirá pesados, com as frutas demasiadamente compotadas, e enjoativos.

Deve-se então servir tudo gelado?

Essa também não é a melhor alternativa. Qualquer vinho, branco ou tinto, quando muito frio, não vai mostrar suas qualidades. O desprendimento de aromas será mínimo e a acidez e os taninos (no caso dos tintos) serão exacerbados pelo frio, tornando a bebida extremamente dura e insossa, com aromas e sabores que chamamos de “mudos”, sem graça.

Mesmo fora da temperatura ideal, é possível beber?

Sim, assim como refrigerante quente.

Se é prazeroso já é outra história! Pode até parecer complicado, mas com um pouco de empirismo é fácil perceber o ponto de equilíbrio dos vinhos.

Use uma tabela e parta sempre de uma temperatura um pouco mais baixa. Experimente. Deixe o vinho na taça por um tempo e prove novamente para ver se o aumento de temperatura beneficiou ou prejudicou.

Assim que achar o ponto ideal, resfrie um pouco ou, se tiver, coloque uma manta térmica.

Fonte: Revista Adega

Sobre ABS Minas

A Associação Brasileira de Sommeliers, Secção Minas Gerais, é uma associação sem fins lucrativos, que congrega apreciadores de vinho, cachaça e cervejas artesanais, e que tem por objetivo maior, propagar o conhecimento sobre a arte da degustação, além de atuar fortemente na qualificação de profissionais que atuam em restaurantes, bares, hotéis e outros estabelecimentos em que este profissional seja necessário.